Realidade palpável

Técnica de impressão à base gel de nanocelulose revoluciona fabricação de produtos

Pesquisadores da Chalmers University of Technology, na Suécia, desenvolveram um método para impressão em 3D com uma tinta à base de madeira de uma forma que imita a estrutura única da madeira. A pesquisa pode revolucionar a fabricação de produtos verdes.

Anos atrás, os cientistas haviam criado um meio de impressão 3D feito de fibra de madeira. Agora, eles desenvolveram um novo método de impressão, produzindo material sólido com a estrutura e as qualidades da madeira natural. Por meio da emulação da arquitetura celular natural da madeira, eles agora apresentam a capacidade de criar produtos sustentáveis derivados de árvores, com propriedades únicas – desde roupas, embalagens e móveis até produtos de saúde e cuidados pessoais.

O material original consistia de um gel de nanocelulose, contendo pequenas fibras de celulose, que eram obtidas a partir de polpa de madeira. Uma variedade de objetos poderia ser impressa a partir dele, mas eles não teriam a porosidade, resistência e força de torção da madeira real. Agora, no entanto, os pesquisadores adicionaram um novo ingrediente: a hemicelulose, que é um componente natural das células vegetais. Isso impulsionou a força do gel, agindo como uma cola para ajudar a manter as fibras de celulose juntas.

Além disso, eles digitalizaram o código genético da madeira natural e usaram esse código para instruir uma impressora 3D que estava imprimindo com o gel recém-aprimorado. Como resultado, eles puderam controlar com precisão o arranjo das nanofibras durante o processo de impressão, criando itens simples que não eram feitos apenas de fibra de madeira, mas que também tinham a ultraestrutura da madeira real.

Veja mais aqui.