Ferramentas inovadoras – Edição 36

Para continuar em constante movimento, o setor industrial brasileiro precisa sempre buscar atualizar-se e implantar novidades. Não é diferente no ramo do papel e da celulose, que tem investido em máquinas e ferramentas que supram as crescentes demandas do setor, auxiliando em atividades funcionais sem esquecer da economia de recursos. Confira duas novidades do setor de tecnologia:

  1. Potência e produtividade

A Montcalm, empresa de soluções em engenharia, construção e montagem eletromecânica para processos industriais, anunciou novo guindaste móvel, um modelo Liebherr LTM 1250-5.1. A máquina tem como principais características alta qualidade e durabilidade dos equipamentos da Liebherr. A entrega da peça aconteceu durante os Customer Days em Ehingen. Completamente pronto para operações industriais e montagem, o guindaste móvel foi entregue oficialmente para Paulo Simonsen, diretor executivo da empresa brasileira Montcalm Montagens Industriais, no dia 14 de junho durante os Customer Days na fábrica da Liebherr em Ehingen. A Montcalm utilizará seu novo guindaste de 250 t (toneladas) exclusivamente nos canteiros de obras da empresa. Com operações em todo o território brasileiro, a Montcalm oferece soluções de construções eletromecânicas, civil e engenharia totalmente integradas para diversos setores como óleo e gás, fábricas de papel, aço e cimento, indústria de fertilizantes, fábricas petroquímicas, indústria e infraestrutura têxtil. A companhia executa tanto a construção completa de novas fábricas como trabalhos de restauração e manutenção de todos os tipos. O novo Liebherr LTM 1250-5.1 será colocado em operação assim que chegar ao Brasil, para a montagem da Usina de energia termoelétrica Sergipe, localizada na Barra dos Coqueiros, cuja construção está sendo conduzida pela General Electric.

“A alta qualidade e durabilidade de máquinas como os guindastes móveis sobre esteiras e pneus Liebherr são muito importantes para nós. Nosso LTM 1200/1, construído em 2002, ainda é muito confiável e potente”, afirma Paulo Simonsen, diretor executivo da Montcalm. A frota também conta com um LR 1400/2, dois LTR 1220s e um LTR 1100 Liebherr. No total, a empresa sediada em São Paulo emprega 3000 pessoas. “Nós temos um relacionamento honesto, objetivo, mais muito próximo com a Liebherr, tanto nas questões técnicas, quanto comerciais”, diz s Paulo Simonsen. “Além disso, sempre podemos contar com um atendimento rápido de seus funcionários de serviço.”

  • Robustez e confiabilidade

Presente em mais de 17 países e com experiência de linhas de produção na Alemanha, China e Índia, a Schmersal, multinacional alemã e líder mundial em sistemas de segurança para máquinas industriais,  desenvolveu as chaves seccionadoras LBS, LBF e LBG para todos os tipos de indústria, incluindo automotivo, celulose, siderurgia e montadores de painéis. Utilizada para estabelecer ou interromper a energia em um determinado circuito elétrico, a chave seccionadora é aplicada como Isolador de Circuito, Chave Liga/Desliga ou Chave Geral. Compactas e de fácil montagem, as chaves da Schmersal constituem um conjunto totalmente blindado que garante proteção contra a entrada de poeira. As chaves seccionadoras sob carga LBS são produtos de excelente qualidade técnica, robustez e confiabilidade. Com uma construção compacta e de fácil instalação, as chaves são indicadas nas mais diversas montagens. Nas versões LBF, as chaves são construídas com uma estrutura simples acoplada a três bases para fusíveis e proteção nas partes energizadas para segurança do usuário. Sua aplicação é indicada para montadores de painéis e para manutenção em geral, reduzindo assim o tempo e mão de obra. As chaves LBG são desenvolvidas para atender ao aterramento temporário na saída dos contatos. A comutadora possui três posições: liga, desliga e aterramento. O produto da Schmersal tem invólucro em poliéster reforçado com fibra de vidro e sua tampa translúcida permite melhor visualização do posicionamento dos contatos. Tem como opcionais chaves encapsuladas, contato auxiliar NA/NF e travamento com cadeado no frontal do painel. As chaves seccionadoras estão em conformidade às normas internacionais IEC 60947-1 e IEC 60947-3. A ferramenta tem a garantia Schmersal de qualidade, companhia que integra o ranking “Melhores Empresas para se Trabalhar no Brasil”, de acordo com pesquisa realizada pela consultoria Great Place to Work (GPtW).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *